No tomo lácteos, ¿de dónde saco el calcio? | Galletas Gullón

Não como laticínios, onde vou buscar o cálcio?

Se não gosta de leite, tem intolerância à lactose ou segue uma dieta vegan pode não estar a ingerir cálcio suficiente para o corpo. Está implicado na formação dos ossos e é necessário para o crescimento, por isso não será de estranhar que se não ingerir lácteos nos pergunte onde pode obtê-lo para não ter qualquer carência de cálcio.

Sabia que as amêndoas e as amêijoas são fontes deste mineral? Neste artigo explicamos a importância deste mineral para o organismo, que funções tem para além de estar implicado na estrutura dos ossos e como pode obtê-lo de alimentos que não sejam lácteos.

A importância do cálcio no corpo

É um dos minerais mais importantes para várias funções no nosso corpo e é o mineral que se encontra em maior quantidade no organismo, principalmente nos ossos e nos dentes.  O cálcio tem um papel fundamental no crescimento, mas não é a única etapa da vida em que tem um papel importante. Durante o período de gestação e lactância, assim como em pessoas com início de descalcificação como osteopenia, é fundamental manter níveis corretos de cálcio.

Funções do cálcio:

Contribui para o funcionamento normal de diferentes ações no nosso corpo

  • Metabolismo da energia
  • Músculos
  • Neurotransmissores
  • Enzimas digestivas
  • Necessário para a manutenção dos ossos e dentes
  • Coagulação sanguínea normal

Do cálcio da dieta apenas é absorvido cerca de 20-30%, exceto nas crianças e nas grávidas em que a sua absorção é maior. Para melhorar a sua absorção é importante ter níveis suficientes de vitamina D no corpo.

Sempre que falamos de cálcio é importante comentar o papel da vitamina D. Esta vitamina é necessária em quantidades suficientes para que o corpo possa absorver o cálcio. É considerado fundamental para que o cálcio se fixe nas estruturas ósseas. Por isso, ter uns bons níveis de vitamina D também é importante para manter os níveis de cálcio corretos.

 Alimentos vegetais com cálcio

As principais fontes são o leite e os derivados lácteos, mas existe em muitos outros alimentos:

  • Frutos secos e sementes: especialmente as amêndoas e também os pistácios e as sementes de sésamo
  • Vegetais: como a couve chinesa, os agriões, a rúcula e as algas.
  • Legumes: a soja, os tremoços, os feijões, o grão-de-bico ou o  feijão preto.
  • Mariscos e peixe: amêijoa, berbigão, camarões e vieiras. Assim como as anchovas e as sardinhas.

É importante esclarecer que é necessário ter em conta o tamanho dos alimentos. Embora as amêndoas e o sésamo tenham muita quantidade de cálcio por 100g não é comum comer tantos gramas destes alimentos, por outro lado será mais fácil consumir essa mesma quantidade através dos legumes. Existem outros alimentos que contêm cálcio, mas os citados são onde se destaca mais a sua presença. Por isso, é importante fazer uma alimentação variada incluindo também estes alimentos.

Fontes de vitamina D

A vitamina D sintetiza-se principalmente com a exposição ao sol, mas é importante destacar os alimentos com alto teor em vitamina D para tê-los em conta no inverno ou nos dias em que não nos expomos ao sol.

  • Enguia
  • Atum
  • Bonito
  • Ovo
  • Queijo curado
  • Alguns tipos de cogumelos

Uma alimentação sem laticínios, uma alimentação completa

Os laticínios são saudáveis, mas é cada vez maior o número de pessoas que evitam estes alimentos. Quer seja porque seguem uma alimentação vegan ou porque não toleram bem algum componente do leite, como a lactose, a proteína do leite de de vaca ou simplesmente alguns tipos de laticínios de que não gostam ou não digerem bem. São diferentes os motivos pelos quais as pessoas substituem cada vez mais os laticínios por outros produtos.  Se pensa que pode ser intolereante à lactose, descubra tudo o que precisa de saber aqui.

Embora os laticínios tenham uma boa composição nutricional, não são imprescindíveis na nossa dieta seja em que idade for. Nenhum alimento da dieta é imprescindível, apenas temos de ser conscientes de que temos de ingerir outros alimentos para obter todos os nutrientes de que o nosso corpo necessita.

Na Gullón estamos muito conscientes das alergias e intolerâncias alimentares e por isso elaboramos produtos sem laticínios deliciosos, para que todos possam desfrutar dos pequenos prazeres da vida. Temos uma ampla gama para que desfrute dos seus produtos favoritos desde as clássicas bolachas María até às bolachas de aveia BIO Organic, passando por toda a gama infantil, deliciosas para toda a família, como as bolachas Dibus Mini cereais Angy Birds.

Seja qual for o seu motivo para não ingerir laticínios, não renuncie ao prazer.